Vasos de flores e plantas

Doenças das folhas de antúrio e seu tratamento

As doenças do antúrio podem não ser apenas fungosas. Existem também doenças virais, infecciosas e não infecciosas. Tratamento de flores para doenças é impossível sozinho com remédios populares. É necessário aplicar mais fungicidas. Tais drogas como Fitosporin-M, Fundazol recomendaram-se bem.

Antes de processar o pote com uma flor é colocado em um grande saco de plástico. Após a pulverização, a bolsa é amarrada e a planta é deixada em tal mini-estufa por 15 minutos. Quando o tempo passar, retire o antúrio da bolsa, deixe secar e volte ao seu local original.

Após o primeiro tratamento principal, 7 dias devem passar e, em seguida, o tratamento deve ser repetido. Certifique-se de terceira pulverização, que é realizada uma semana após o segundo tratamento.

Podridão radicular

A rega excessiva, a umidade constante do solo e a baixa temperatura do ar levam a doenças como a podridão radicular. Com a derrota do sistema radicular, as folhas se tornam muito mais leves do que o normal, depois ficam amarelas e desbotam.

Se a planta for removida da panela e inspecionar suas raízes, você poderá ver que elas perderam o turgor, se tornaram letárgicas e moles. Se é melhor dar uma olhada mais de perto, então, a partir do meio, as raízes começam a esfoliar e pendurar como "trapos".

Se a doença estiver em um estágio inicial, é necessário parar de regar, remover a planta do solo, deixar a terra secar e transplantá-la para um novo e nutritivo solo. É importante monitorar a umidade na sala.

Se, ao inspecionar uma planta, se verificar que as raízes estão muito danificadas, é necessário aparar todas as partes danificadas no tecido saudável. Locais cortados devem ser em pó com carvão batido.

Para regar a planta, é importante usar água, com as preparações Alirin-B ou Fitosporina-M dissolvidas nela. Ao preparar a solução, a concentração descrita nas instruções não deve ser excedida.

No estágio avançado, quando todo o sistema radicular é afetado, é improvável que o antúrio seja salvo, por isso é melhor destruí-lo para que a doença não se espalhe para outras plantas.

Podridão

A doença pode ocorrer devido a rega excessiva e manutenção constante da umidade do solo. O fator decisivo é também uma temperatura ambiente reduzida.

Inicialmente, doenças nas folhas aparecem manchas aquosas vagas, pintadas de preto. Se nenhuma ação for tomada, a doença começará a se espalhar por outras partes da planta. As partes afetadas do antúrio morrem com o tempo. Se você olhar para o local afetado mais de perto, isto é, através de uma lupa, poderá ver um grande número de esporângios. No início, eles são esbranquiçados e depois ficam pretos.

É necessário isolar a flor da sala doente de outras plantas, cortar todas as partes danificadas do antúrio e tratar a planta com um fungicida. É necessário executar 2 tratamentos com phytosporin com um intervalo de 1 pulverização de semana.

Se a doença for iniciada, é possível que a planta não possa mais ser ajudada. Você precisa ganhar força e jogar fora a flor. E todas as outras plantas com as quais o antúrio cresceu, inspecionam a doença.

Doenças infecciosas

Entre as doenças transmitidas pela infecção podem ser distinguidas septoria, murcha fusarium. Se for tarde demais para identificar a doença, será praticamente impossível curá-la.

A presença da doença é indicada por manchas marrons nas folhas das plantas. Geralmente eles têm uma forma irregular, com cintas marrons ou amarelas em torno das bordas. Se você olhar os pontos através de uma lupa, poderá ver pequenos pontos pretos no meio - esporângios.

Como tratar as folhas de antúrio para a septoria?

Com uma forte derrota, o septoriozm terá que cortar toda a folhagem e queimar. Na sala deve reduzir a umidade. Recomenda-se excluir tal procedimento para o cuidado de uma planta como pulverização da folhagem.

A flor precisa de adubação adicional com fertilizantes complexos para plantas com flores. Depois de inspecionar pragas, o antúrio deve ser tratado com medicamentos contendo cobre ou pulverizado com Fitosporin-M.

Fusarium murcha

Uma doença bastante grave na qual a folhagem se desvanece maciçamente. No início, ocorre o amarelecimento, depois seca e cai. Se você olhar para o pescoço da raiz, você pode ver uma flor branca e rosa. A doença infecciosa se espalha durante a irrigação, quando a umidade ideal do ar não corresponde à temperatura.

O processamento deve ser realizado três vezes com um intervalo de uma semana. Um único tratamento nunca produziu um resultado positivo.

No caso de uma doença, na parte superior da placa de folha pode-se ver manchas de forma irregular, pintadas na cor amarelo claro, e no lado inferior da folha - manchas de cor marrom, pústulas. Com o desenvolvimento da doença, as manchas se espalham por toda a folha, a placa se desvanece e seca. O tratamento é realizado com o uso de fungicidas.

Orvalho Mealy

Parece que a planta gosta de tudo, é perfumada e agrada os olhos, e de repente uma estranha queda de folhas começa. Qual é o motivo, Por que a planta começou a virar folhas amarelas e secas? Na derrota do oídio indica flor branca, que se espalha por toda a massa verde da planta. Bom resultado dá tratamento com Topázio.

Vírus de bronze

Uma doença desagradável que se manifesta pela descoloração da folhagem das plantas. Com o olho armado na superfície da folha, você pode notar rugas pronunciadas, pequenos pontos de passagem.

O vírus é transmitido por insetos, por exemplo, tripes. É impossível tratar a doença, não é tratável. Instância doente terá que jogar fora. E outras plantas de interior precisam inspecionar a presença de tripes, para que eles não pudessem espalhar o vírus do bronze. Actellic ou Aktar podem ser usados ​​para processamento.

Varicela

Em caso de uma doença causada por erros de cuidado, vários pontos de abaulamento aparecem nas folhas. Eles podem ser de cor amarela ou verde amarelada. Tal feiura de placas de folhas pode ocorrer quando a umidade do ar não coincide com a temperatura.

A doença resulta da deficiência de dois elementos importantes - ferro e magnésio. Sua falta manifesta-se no amarelecimento da folhagem ou no aparecimento de faixas amarelas nas placas das folhas.

A doença pode ser identificada por folhas feias. O primeiro sinal - a folhagem começou a crescer desigualmente, as próprias placas ficaram convexas e corcundas. A aparência da interação contribui para o conteúdo errado de temperatura. No interior, pode estar muito quente ou muito frio, seco ou húmido. Livrar-se do problema ajudará no estabelecimento de cuidados adequados para a planta e no cumprimento dos métodos agrotécnicos de cultivo.

Doenças parasitárias: antúrios

As doenças parasitárias devem ser atribuídas a um grupo separado de doenças. Estranhamente, mas mesmo aquelas plantas que são bem cuidadas são afetadas por essas doenças. Com a derrota das folhas das pragas, as flores, o sistema radicular e os brotos verdes sofrem. As principais pragas do antúrio incluem:

Afídio é uma praga maliciosa, é desejável para lutar com ele até que os insetos se multiplicaram. Quando uma planta é maciçamente afetada por um pulgão, torna-se cada vez mais difícil curar uma flor. Para lutar você pode usar produtos químicos ou usar um método mecânico de luta: pendurar fita adesiva para pegar moscas perto da própria planta.

A flor sofre da invasão de tripes. Para entender que foi essa praga que começou na planta, você precisa inspecionar cuidadosamente a parte de baixo das folhas. Sua presença é indicada por pontos pretos. O inseto está ativo na primavera e no verão.

Não só as viagens de adultos são perigosas, mas também suas larvas. Alimentando-se da seiva da planta, eles gradualmente levam a sua morte. Para lidar com tripes, você pode usar pesticidas. É melhor comprar em lojas especializadas, prestando atenção à vida útil da droga.

Insetos aparecem nas plantas, para os quais o cuidado errado. Para minimizar os erros, é necessário observar cuidadosamente o antúrio, regá-lo a tempo, alimentá-lo e, se necessário, fornecer ar fresco à planta, realizando a ventilação diária da sala.

Se o antúrio é danificado pelo escudo - você precisa se preparar para o fato de que a luta contra ele será longa. E somente na perseverança do dono depende se o resultado é positivo ou negativo. No estágio inicial do aparecimento de pragas, é improvável que elas possam ser vistas a olho nu. Os insetos têm uma casca durável, portanto, quando processados ​​por meios químicos, nem sempre é um bom resultado.

Antes de pulverizar a planta com inseticidas, você precisa ensaboar a esponja com sabão e limpar a própria planta, deixando a espuma na flor por meia hora. Então você precisa lavar a flor debaixo do chuveiro, deixe secar, e só então fazer o processamento.

É necessário borrifar uma fábrica 3 vezes com um intervalo de 7 dias. Se essa condição não for atendida, os insetos da escala reaparecerão, como alguns adultos estão no solo.

Ácaro da aranha é uma praga não menos perigosa. Devido à sua atividade vital, as folhas da planta começam a ficar amarelas, gradualmente torcendo e caindo. Entenda que o ácaro da aranha foi enrolado, é possível por uma teia fina, que será localizada no lado de trás da folha.

Com a praga pode lidar com remédios populares. Primeiro você precisa lavar a planta sob o chuveiro, para liberar da web. Então você quer limpar a superfície das folhas, a panela em si, e o parapeito da janela, no qual ficava o antúrio, com uma esponja com sabão.

Principais erros de cuidado levam a problemas com o crescimento do antúrio: vídeo

Além de doenças causadas por vírus, bem como doenças infecciosas e não transmissíveis, o tratamento inadequado pode levar a uma série de problemas que inibem o crescimento das plantas e podem levar a doenças:

  1. Manchas irregulares nas folhas e a presença de pontos pretos. Tais sintomas aparecem quando se mantém um animal de estimação em uma sala fria. O problema pode ser resolvido movendo o vaso para uma sala mais quente. Você não pode regar o antúrio mais frequentemente do que deveria. A planta não gosta de água estagnada.
  2. Placas de folhas ficam amarelas e secas ao redor das bordas. Se você mantiver o antúrio em um local claro, por exemplo, no peitoril da janela do sul, sua folhagem certamente ficará queimada. Você pode resolver o problema movendo a planta para um local com iluminação difusa.
  3. Amarelecimento e murchamento da folhagem. A planta não gosta da temperatura do ar na sala. Para crescimento e desenvolvimento normais, a temperatura ideal é de + 22 ° C. Durante a dormência de inverno, a planta precisa criar condições a uma temperatura de + 16 ° C.
  4. As pontas das folhas ficam pretas. Este é um sinal claro de que o solo contém muitos nutrientes, especialmente cálcio. Para resolver o problema, você precisa transplantar uma flor em uma nova terra nutritiva.
  5. Por que o antúrio não floresce? É possível que a planta cresça em um lugar mal iluminado, plantada também em uma panela espaçosa. A falta de floração também é afetada pela umidade reduzida.
  6. Por que a folhagem cai em uma palha? O problema pode estar muito claro. Para que as folhas tomem sua posição original, você precisará remover a flor dos raios diretos do sol.
  7. Folhagem fica preta. Talvez a razão reside na rega da planta é muito dura, clorada ou água fria. Depois de regar, é importante garantir que a panela esteja em uma panela seca. Se a planta não beber toda a água, ela deve ser drenada do palete, caso contrário, pode causar a podridão do sistema radicular. Para amaciar a água, você precisa adicionar uma pitada de ácido cítrico ou uma gota de suco de limão. Água de preferência água dessecada aquecida à temperatura ambiente. Quando regar você precisa seguir a regra de ouro - tudo é bom, com moderação.

Vídeo: os principais erros no cuidado do antúrio em casa.

O amarelecimento da folhagem de antúrio depende de muitos fatores. Por exemplo:

  • umidade excessiva do solo,
  • pote apertado
  • deficiências nutricionais
  • falta de iluminação ideal
  • ar frio
  • a presença de rascunhos,
  • solo pobre.

Para entender a razão do amarelamento da folhagem, será necessário analisar as condições de crescimento e identificar falhas para corrigir a situação para melhor.

Medidas preventivas

O cuidado adequado de animais de estimação verdes permite evitar muitos problemas. A rega atempada e racional, a fertilização suficiente, a iluminação ideal e a temperatura do ar permitem que a flor sinta-se bem e deleite o proprietário com a sua bela floração.

Ao contrário das doenças fúngicas, que muitas vezes aparecem com cuidados inadequados, as doenças parasitárias danificam até mesmo plantas bem cuidadas. Para evitar muitos problemas, você precisa monitorar cuidadosamente o antúrio e inspecionar as folhas quanto à presença de pragas.

Para fins preventivos, recomenda-se arrumar a planta do chuveiro de vez em quando, para lavá-la com uma solução de sabão em pó. E se as pragas ainda forem notadas, é necessário começar imediatamente a combatê-las.

Conclusão

A doença de antúrio de planta de casa que pode causar-se por várias infecções, com o cuidado apropriado, é possível reduzir o risco de desenvolver várias doenças. Conformidade com práticas agrícolas permite que você tenha em casa uma planta bonita e saudável, que agrada com a sua longa floração.

Antúrio: doença foliar na foto, como tratar a planta

O antúrio é uma flor extraordinária que encantará seus donos em qualquer época do ano. Nas pessoas também é chamado de "felicidade masculina". As flores desta planta têm uma superfície de cera e podem ser de tonalidade vermelha, branca, rosa ou roxa.

Como é a felicidade “masculina”? (Foto)

O antúrio é uma planta perene nativa dos trópicos.

O problema mais comum são as doenças do antúrio associadas às folhas. Ele é conhecido e popular entre os produtores de flores, profissionais e amadores. Sua aparência surpreendente e capacidade de preservar a beleza em uma forma cortada por várias semanas atrai muitos floristas e muitas vezes usam seções de flores em vários buquês e arranjos de flores, e por causa da forma incomum das folhas, eles chamavam de flor de flamingo.

No entanto, como qualquer outra planta, esta flor requer cuidados adequados e oportunos. Na maioria das vezes, a doença se manifesta nas folhas e causa bastante problemas aos donos, por isso é extremamente importante determinar imediatamente o que causou o antúrio e eliminar a doença em um estágio inicial. Mas a maioria dos cultivadores de flores é da opinião de que é melhor impedi-los do que tratá-los mais tarde.

Para saber como salvar uma flor no caso de uma doença, você precisa saber o que ela é.

Doenças não transmissíveis do antúrio

Este é um dos problemas mais comuns que podem surgir quando se cresce não só esta flor, mas também outras plantas de interior. Muitas vezes isso é devido a não conformidade com as regras de conteúdo ou com sua mudança dramática.

A atividade de desenvolvimento e floração da planta é afetada pela dureza da água e freqüência de irrigação, a qualidade e composição do solo, a fertilização do solo, a temperatura e umidade na sala, a iluminação e a presença de um fluxo constante de ar fresco.

Por que a flor "felicidade masculina" não floresce

Na maioria das vezes, o motivo da falta de floração viola as regras do conteúdo. A temperatura ideal para o crescimento de uma flor é de dezoito a dezenove graus, não deve haver rascunhos na sala, é necessário fornecer luz difusa e proteger a flor da luz solar direta. No solo deve haver uma camada de drenagem, que garantirá a saturação das raízes da planta com oxigênio e eliminará seu apodrecimento. O solo deve ser sistematicamente fertilizado com minerais. E, como mostra a prática, assim que as condições de estufa necessárias são criadas para a flor, surgem inflorescências há muito esperadas na planta.

Antúrio deixa folhas secas e enroladas

As folhas da flor começam a secar devido à falta de rega suficiente e baixa temperatura do ar na sala, a flor também precisa de pulverização constante das folhas. No caso de secagem da folhagem, você deve alterar rapidamente as condições de detenção e alimentar a planta com fertilizantes especiais. Os produtores profissionais aconselham uma vez por mês a “tomar banho” de uma flor debaixo do chuveiro, e depois remover a poeira formada nas folhas da planta.

Na maioria das vezes, o problema das folhas torcidas é resolvido rapidamente, mas há casos em que a causa da secura é uma doença de origem infecciosa e, em seguida, as formas de combater a doença são diferentes.

O que fazer se as folhas da planta ficarem amarelas e caírem?

Muito provavelmente, a causa deste problema está na rega. Если в горшке образуется застой жидкости — на корневой системе образуется плесень, и корни в результате могут загнивать и гибнуть. Как в такой ситуации помочь погибающему растению?

Следует незамедлительно пересадить цветок в другой грунт с умеренной влажностью. Поливать растение необходимо по мере просыхания земляного кома (есть вероятность, что корневая система цветка восстановится). Se as raízes estiverem completamente apodrecidas - é improvável que a flor seja reanimada.

A segunda causa de folhagem amarelada é água imprópria para irrigação. Se contiver uma grande concentração de cloro e óxidos de metais pesados, as raízes do antúrio se tornarão mais finas e as folhas serão cobertas de manchas amarelas ou ficarão pretas. Portanto, para a irrigação, é necessário utilizar somente água que tenha sido separada por dois ou três dias, sendo a água da chuva ou a água derretida uma excelente opção para a irrigação do solo.

Também a aparência de amarelo nas folhas, possivelmente de sua localização imprópria. A luz direta do sol pode cair sobre a flor - então a planta deve ser movida para um local mais sombreado. Se você mover o pote não é possível, então a planta deve pritenyat. Folhas amarelas também podem ser formadas porque a flor cresce em um lugar muito escuro. Em seguida, o antúrio instala iluminação artificial adicional.

Manchas marrons apareceram nas folhas do antúrio

Se uma certa mancha marrom apareceu nas folhas de uma flor, parecendo queimaduras na aparência, isso significa que os seguintes fatores foram causados ​​por sua aparência:

  • excesso de umidade no solo - ocorre quando rega freqüente e muito abundante. Molhe a planta deve ser moderada e somente depois que o solo estiver completamente seco,
  • falta de boa drenagem - ao plantar, no solo para a flor, você deve adicionar uma camada de argila expandida,
  • O uso de solo de baixa qualidade para o plantio ou com baixo teor de substâncias minerais é fácil de resolver. Você precisa transplantá-lo em um substrato especificamente projetado para esse tipo de planta, que é vendido em qualquer loja de flores,
  • água dura - para amaciar a água, antes de molhar, deve ser fervida ou defendida,
  • hipotermia - em nenhum caso o antúrio pode ser mantido em uma sala com temperatura baixa ou em um peitoril frio. Para evitar isso, a planta deve ser movida para uma sala mais quente ou colocar espuma sob a panela, o que impedirá o resfriamento excessivo das raízes.

Enatsy e varíola: as causas da doença e como tratar

Se a flor começa a secar, e as folhas adquirem uma forma feia e crescem formações sobre eles, isso significa que a planta é afetada pela enaga da planta ou varíola.

A causa dessas doenças é uma mudança brusca de temperatura. Para reanimar uma flor, é necessário criar condições confortáveis ​​para mantê-la - para mover a flor para um lugar quente, livre de correntes de ar e luz solar direta, e aplicar fertilizante regularmente.

Informações gerais

Anthurium ou, como se costuma dizer, “felicidade masculina” é uma flor tropical, termofílica e delicada. A planta é muito sensível às condições externas, rega, alimentação e outros cuidados. Desviando das práticas agrícolas certas, você pode notar logo o desconforto da flor.

Se você ver que o antúrio parece ruim, enfraquece, as folhas ficam amarelas, manchas suspeitas aparecem, outros sintomas perturbadores são observados, você deve inspecionar a flor o mais rápido possível.

Tendo identificado o problema, você precisa lidar com sua erradicação. Na maioria dos casos, é suficiente normalizar as condições de detenção e prestar mais atenção aos cuidados. Entretanto, às vezes o antúrio cai seriamente - então as medidas devem ser aplicadas de maneira mais efetiva.

No total, existem três grandes fatores que são as causas da doença do antúrio:

  • violação de engenharia agrícola e manutenção em condições inadequadas,
  • doenças infecciosas
  • danos causados ​​por pragas.

Cada um desses fatores esconde muitas causas específicas que causam a indisposição da flor em casos individuais.

Sem floração

O problema é frequentemente associado à violação das condições de detenção. Em muito casos mais raros - com doenças contagiosas. Os seguintes fatores podem causar uma interrupção da floração:

  • temperatura externa muito fria (abaixo de +18 graus),
  • encontrar a planta sob rascunhos
  • exposição à luz solar direta,
  • água estagnada no pote.

A última razão é a mais comum. As raízes de antúrio são muito sensíveis ao nível de umidade do solo, e é crítico que a planta molhe demais o solo.

O que fazer

Porque floração, neste caso, a erradicação das causas que deram origem à ausência de botões. Em qualquer caso, alimentação adicional com minerais complexos não vai doer.

Manchas nas folhas

Muitas vezes o cuidado errado leva ao aparecimento de manchas feias nas folhas, crescimento lento, mudança na cor da folhagem (ver foto). Às vezes você pode ver manchas marrons não só nas folhas, mas também no pescoço da planta. Primeiro de tudo, deve ser estimado que os pontos apareceram:

O que fazer

A natureza dos pontos deve ser avaliada e a causa de sua aparência eliminada. Mas se a planta é inundada, recomenda-se a transplantá-lo em outro pote com solo seco. Antes de transplantar cortar raízes podres.

Outras doenças

Acontece que o antúrio é muito fraco, pouco desenvolvido. A razão é geralmente uma falta de nutrientes. Neste caso, você precisa fertilizar ou (se o solo estiver muito esgotado) transplantar a planta em um substrato fresco.

As folhas ficam amarelas e secas, e o colar da raiz fica marrom e o mofo aparece nele devido ao encharcamento crítico da flor. Neste caso, é impossível atrasar - as medidas de ressuscitação urgentes são necessárias. É necessário transplantar antúrio e remover todos os fragmentos danificados e podres.

Atenção: após a remoção das partes afetadas, não esqueça de polvilhar os locais de corte com carvão ou cinzas triturados para desinfecção e cura mais rápida.

Doenças infecciosas antúrio

O antúrio devido à sua delicada constituição sofre de doenças infecciosas com bastante frequência. Mas ainda menos freqüentemente do que de violações de engenharia agrícola. Não se desespere se a flor atingiu uma doença - devido ao alto nível de fungicidas modernos e tratamento oportuno, quase qualquer situação pode ser corrigida. Em seguida, percorra as doenças mais comuns.

Podridão cinzenta

A doença também tem uma natureza fúngica e afeta inicialmente o caule da planta, depois os brotos e a última de todas as folhas (ver foto). A infecção se espalha muito rapidamente e, no menor tempo possível, as áreas afetadas da flor morrem.

Danos causados ​​por pragas

Pode ser afetado por plantas e parasitas nocivos de insetos. Em seguida, vamos nos familiarizar com as pragas mais comuns e descobrir como nos livrar delas.

Este minúsculo parasita, apesar de seu pequeno tamanho, causa danos consideráveis. Os afídeos se depositam no fundo da folha e sugam a seiva da planta. Uma colônia de insetos se reproduz rapidamente.

Humidade do ar

Ao crescer uma flor tropical deve ser lembrado que a alta umidade é uma necessidade vital para ele. O nível de umidade deve ser 70-80%, se menor - então apenas por um curto período de tempo.

Para fornecer essa umidade nas condições de nossos apartamentos, é necessário pulverizar a planta com mais frequência, ou comprar um umidificador especial, ou colocar uma flor em um palete com argila seca. A última opção é a menos demorada e os custos não serão necessários.

Por que a pulverização não é a melhor solução? Porque a água deixa nas folhas manchas esbranquiçadas feias.

Se a flor cresce em uma sala seca, muitas vezes vai doer e é mais provável que seja afetada por ácaros. Além disso, o ar seco leva a:

  • secagem e amarelecimento da folhagem,
  • em fases severas - à torção e enegrecimento das folhas,
  • a secagem dos brotos - ambos florescendo e ainda não.

Temperatura do ar

Como esta planta é termofílica, ela deve ser mantida a uma temperatura não inferior a +18 graus no verão e +16 graus no inverno. A melhor opção e o mais adequado para a flor será o seu conteúdo de maio a setembro a uma temperatura de + 25-28 graus.

Rascunhos, aromas frios do vento são contra-indicados para a planta completamente. Sob a influência de correntes de ar, as raízes do antúrio freqüentemente apodrecem, suas folhas e flores congelam. E pulverização no inverno, seguido pela abertura das aberturas para arejar - a maneira mais confiável de destruir uma flor.

O antúrio precisa de luz abundante, importante por sua floração exuberante e longa. No entanto, estando sob luz solar direta (especialmente ao meio-dia), a planta não tolera. Na natureza, cresce nas camadas mais baixas das florestas tropicais, sombreadas de cima por árvores altas.

Coloque a flor em um lugar que esteja iluminado o suficiente, mas sombreado. No inverno, o antúrio exigirá iluminação adicional para operação normal.

Recursos de rega e substrato

Cresça a flor melhor em um solo úmido e permeável e solto. A rega deve ser feita apenas com água macia sem sal e lixívia. Se a umidade do ar for mantida alta, a rega geralmente não vale a pena.

Então, nós aprendemos quais doenças e porque Antúrio sofre e descobrimos como curar a planta em cada caso. A principal medida para combater a doença - o bom atendimento da planta e sua manutenção em condições adequadas. Cumprindo os requisitos da agrotecnologia você muitas vezes reduz a probabilidade de doenças de flores. Bem, se, no entanto, a planta pegar uma infecção ou pragas, não vale a pena atrasar com o tratamento: quanto mais cedo você começar a tomar medidas, maiores as chances de sucesso.

Considere a doença mais comum, antúrio

Considera-se não parasítico, isto é, não uma doença infecciosa. A razão exata para a sua ocorrência ainda não foi determinada, mas presume-se que a planta fica doente devido a mudanças bruscas de umidade e temperatura. A placa foliar da planta doente é deformada, arredondada. Aparecem crescimentos. O antúrio começa a crescer de forma desigual.

O tratamento não requer isolamento da planta. É o suficiente para tratar a planta com as preparações "Antitlin", "Fitoverm", "Detsis"

Antracose ou oídio

Uma doença viral que é causada pelo cogumelo Solletorichum. A causa da doença é o aumento da umidade do ar e do solo. A princípio a folha é afetada, manchas marrons aparecem nela, com pontos pretos no centro - estes são esporos fúngicos. Em alta umidade, os esporos germinam bem e voam para longe. A folha fica incolor, encolhe e cai. Da doença da placa foliar pode ir para a raiz da planta. Distribuidores da doença são pragas, tripes.
Há míldio, que é causado pelo fungo Peronospora anthirrhini. Os esporos do fungo são cinzentos. Na planta afetada, a placa foliar é coberta com manchas cloróticas, a folha fica pequena. Essa planta cresce lotada.

Durante o tratamento, a rega deve ser reduzida, as preparações fungicidas “Saprolo”, “Rovral” devem ser usadas. Polvilhe a planta com vitríolo azul.

Uma doença terrível causada por esporos do fungo Septoria. Alta temperatura e alta umidade provocam o desenvolvimento da doença. Uma placa de folha da planta é afetada. Aparecem manchas marrons ou vermelhas, com uma borda amarela. Sob a lupa ou a lupa você pode ver os pontos pretos - isso é uma controvérsia. Sob sua influência, a folha seca e os esporos do fungo se movem para outros lençóis saudáveis ​​e os infectam.

Ao iniciar o tratamento, a planta afetada é enviada para a quarentena, a fim de evitar infectar outras plantas. Então eles começam a tratar as folhas com preparações contendo cobre, bem como com as preparações "Fitosparin", "Arilin". Se uma semana, o tratamento não traz um resultado positivo, a planta deve ser descartada.

Molde cinzento

Basicamente, esta doença afeta plantas jovens e não adultas. As razões estão em violação das regras de cuidados, ou seja, rega abundante e má drenagem. Bem como uma longa estadia em um quarto mal ventilado e não a remoção atempada de lençóis secos e partes da planta. A derrota começa no tronco e atinge os rebentos, e só depois disso vai para a folha. Manifestado no aparecimento de flor cinza. A doença se espalha muito rapidamente e em pouco tempo pode atingir o mato inteiro.

O tratamento deve começar imediatamente.
As folhas afetadas não podem mais ser salvas, portanto, elas precisam ser removidas. A planta é isolada e submetida ao tratamento com os fungicidas "Fitosparin-m", "Rovral".

Cogumelos pretos

Doença infecciosa e fúngica. Devido à falta de nutrientes e está associada ao aparecimento de pragas - pulgões e pulgões. Os fungos vivem em tripes e pulgão secreções de açúcar. A folha infectada adquire uma cor branca amarelada. Também propenso a doenças e caules jovens. A planta não se multiplica.

Antes de iniciar o tratamento, a planta deve ser isolada. As folhas afetadas não podem mais ser restauradas, portanto, é melhor cortá-las. Na fase inicial da doença, a planta pode ser tratada com sabão de potássio. Um bom efeito é dado pelo uso das drogas "Fitoverm", "Intavir", "Lightning".

Esta doença não é contagiosa. Está associado a cuidados inadequados, alta umidade, baixa temperatura e alimentação tardia. Danos ao sistema radicular também são possíveis. Como resultado, a placa de folha é deformada, aparecem protuberâncias de forma arredondada, com crescimentos verde-amarelos.

O tratamento é reduzir a rega e mover o pote de antúrio para um local mais quente. Evite a luz solar direta. Isolamento é necessário.

Doenças do antúrio em casa

Uma flor saudável cativa com sua beleza. De repente, o estado de uma planta pode mudar. Qualquer doença ocorre devido a:

  • não conformidade com os requisitos da engenharia agrícola,
  • doenças infecciosas
  • pragas de insetos trazidas de fora.

Nesse caso, a primeira dessas razões está sempre presente. Uma planta enfraquecida pode levar bactérias e germes. O não cumprimento da quarentena e higiene pode levar à reprodução de pragas. Para não ter problemas com o tratamento, é necessário cumprir as condições de seus animais de estimação. As doenças do antúrio na foto demonstram a perda de plantas ornamentais. Veja a foto do tradescantia!

Há pessoas que basicamente não contêm animais e flores na sala de estar. Eles acreditam que o zoológico e a manutenção interna são violentos contra a vida selvagem. Um buquê de flores frescas é inaceitável para eles, você não pode desfrutar da vida arruinada, até mesmo plantas.

As doenças não infecciosas das plantas estão associadas ao aparecimento de manchas nas folhas, à alteração da cor ou ao abrandamento do crescimento. Às vezes manchas marrons ou mofo no pescoço da planta tornam-se perceptíveis. O que fazer se houver manchas no antúrio? Pela natureza da deformação, você pode aprender muito:

  1. Se aparecerem pontos escuros nas folhas do antúrio, expandindo-se gradualmente, estará frio. Os mesmos pontos podem aparecer de queimaduras solares no contato direto do sol de verão com as folhas.
  2. A causa do aparecimento de manchas pode ser a rega com água não diluída ou água de alta dureza. Se a escala se acumula ao longo do tempo, isso é um sinal de rigidez. Antes de regar, essa água deve ser cuidadosamente assentada ou passada através de um filtro amaciador. Outra maneira, principalmente para áreas rurais com água dura de poços, é o congelamento incompleto da água no tanque. Neste caso, o gelo estará com menos sal do que a água restante.
  3. Outras razões fisiológicas para o aparecimento de manchas escuras e a secagem da placa da borda podem ser correntes de ar e baixa temperatura no inverno. Rega abundante é também acompanhada por um sinal de manchas escuras nas folhas. O que fazer se as manchas no antúrio aparecessem? Remova as causas provocadoras e aguarde pacientemente os resultados.
  4. Folhas amarelas ou pálidas de plantas ou manchas de tal cor dizem que o antúrio não é iluminação suficiente. Além disso, pode ser um sinal de que as raízes doem e não fornecem alimentos à planta.
  5. A palidez geral das folhas indica uma falta de nutrição. Isto também é indicado pela ausência ou fraco crescimento da planta, a ausência de floração. Se a planta foi transplantada recentemente, então precisa de alimentação. Às vezes é melhor transplantar a planta. Ao mesmo tempo, prepare a composição desejada do substrato ou compre o solo já pronto. A descontaminação do solo e o vaso de plantio são necessários.
  6. Se o regime de irrigação for perturbado e as raízes do antúrio se deteriorarem, isso terá um efeito sobre o amarelecimento e a secagem das folhas, o pescoço marrom do antúrio pode ter um molde. A planta precisa de ressuscitação urgente. Ao mesmo tempo, todas as partes afetadas devem ser removidas e as feridas devem ser cobertas com anti-séptico, carvão triturado, pó de canela ou cinza de madeira.

Doenças de folhas de antúrio na foto mostram danos característicos, mas muitas vezes a ajuda de especialistas é necessária para determinar com precisão a doença. Perigoso para os rascunhos das plantas. Isso é especialmente perigoso no inverno. A umidade insuficiente do ar circundante serve como resposta para a questão de por que as folhas de antúrio secam. Por outro lado, as folhas podem morrer naturalmente devido ao envelhecimento. Se as folhas estão enroladas em um tubo, remova o antúrio profundamente na sala, luz muito brilhante, ele fechou os olhos.

As doenças infecciosas do antúrio incluem problemas causados ​​pela introdução de esporos e micróbios no corpo de uma flor. A diferença entre essas doenças é que elas podem destruir todo o mundo verde da casa, se não lidar com elas. As disputas são transmitidas e se multiplicam rapidamente em condições precárias.

Первоначальные причины заболеваний зависят от садовода. Принесённый отросток, взятый от больного растения, может уже таить вирусы, от которых нет пока действенных средств. Они поражают сосудистую систему. А передаваться зараза может через грязный инструмент или насекомыми. A planta adquirida deve permanecer por duas semanas em quarentena, isoladamente de outras plantas. E só então passar para a composição geral.

A mistura de barro comprada ou feita à mão deve ser submetida a tratamento térmico, deve-se derramar permanganato de potássio quente quente, adicionar carvão vegetal triturado e Glyocladin, um medicamento de ação prolongada, da podridão. Ele irá proteger as raízes de phytophthora, fusarium e doenças semelhantes. Cuidados competentes para barreira antúrio-doença.

Doenças que são transmitidas ao antúrio do ambiente externo podem ser:

O agente causador de Septoria, o fungo Septoria se espalha em uma atmosfera úmida e quente. Manchas marrons características com uma borda amarela nas folhas sinalizam a doença do antúrio. A folha seca, quando regar os esporos se movem para outras partes da planta. A planta morrerá se não for processada a tempo com fungicidas contendo cobre.

A antracose é uma doença muito comum chamada oídio. A doença é causada pelo fungo Colletorichum. A propagação desta doença levará à rápida secagem das folhas, caules e sistema radicular. A antracose começa nas lâminas das folhas, o aparecimento de manchas marrons com pontos pretos no centro. Isso é controvérsia. Eles se espalham e germinam quando umedecidos, e para o átrio esse evento é vital.

Cuidados para o átrio na doença Septoria é reduzir a rega e pulverização com a adição de fungicidas de cobre. A terra é tratada com a droga Abig-Peak. Se a planta não pode ser curada, deve ser destruída pela queima. Pote de cerâmica requer boa calcinação. Pratos que não podem ser queimados, destruídos.

Se a planta estiver infectada com ferrugem, as almofadas laranja soltas nas folhas serão visíveis. Tal planta deve ser limpa com uma solução de fungicida, mas não pulverizada de modo a não infectar folhas saudáveis. Pacientes infectados deixa melhor queimadura.

Fusarium murcha é uma doença terrível de antúrio em casa. Afeta todas as plantas, afetando o sistema radicular e as folhas. Os sintomas são a súbita murcha de todo o mato. Os primeiros sinais podem ser dobras não naturais de pedúnculos, forte e rápido amarelamento da folhagem. Preparações de cobre, tratamento do solo com glyloculina são adequados para a luta. A melhor maneira seria limpar a planta de todas as partículas da terra, mergulhá-la em uma solução fraca de base, cortar as partes afetadas e plantar em um novo prato. Terra velha e restos de plantas devem ser destruídos.

Pragas de antúrio

Os insetos comuns às flores da casa incluem:

Todos eles sugam o suco da planta, privando-o de comida. Ao mesmo tempo, sinais da presença de pragas podem ser encontrados com procedimentos higiênicos que são regularmente realizados com bons cuidados.

Óptimas condições de crescimento

Anthurium mudou-se para os nossos apartamentos dos trópicos da América Central e do Sul, então ele se acostumou a sombrear. O melhor lugar do apartamento para ele serão os peitoris das janelas oeste e leste. A temperatura ótima de crescimento é de 16 a 20 ° C no inverno e de 20 a 25 ° C no verão.

Anthurium - um grande fã de umidade. Como muitas plantas tropicais (zamiokulkas, monstera, calla) com alta umidade do solo e ar, o antúrio pode “chorar” às custas de poros especiais nas folhas. Mas vale lembrar que em tudo você precisa saber quando parar. O substrato úmido não secante levará rapidamente ao apodrecimento das raízes e à morte da planta.

O solo para antúrio, assim como para a maioria dos epífitos, deve ser razoavelmente leve, ligeiramente ácido. Uma ótima opção já está pronta misturas especiais de solo para os aróides.

É importante! Todas as partes do antúrio, como na maioria das plantas da família dos aróides, contêm suco venenoso, por isso é necessário isolá-lo de crianças pequenas e animais domésticos.

Tabela: principais doenças do antúrio e suas causas

  • Pote apertado.
  • Longo excesso de umidade no solo.
  • Ar seco
  • Não observância da temperatura ótima.
  • Rascunho
  • Longo excesso de umidade no solo.
  • As raízes são danificadas durante o transplante.
  • Queimadura solar
  • Baixa temperatura
  • Pote apertado.
  • Iluminação insuficiente.
  • Panela pequena.
  • Falta de luz.
  • Ar seco
  • Iluminação insuficiente.
  • Iluminação insuficiente.
  • Panela estreita e estreita.
  • Ar seco demais.
  • Rega insuficiente.
  • O pote é muito estreito ou muito espaçoso.
  • Falta de luz.
  • Temperatura acima de 20 ° C.

Erros no cuidado do antúrio geralmente são fáceis de consertar (reorganizar a planta da bateria, regar mais ou menos, alimentar, trocar a soleira da janela, etc.), mas lidar com doenças e pragas perigosas não é tão fácil.

Míldio (perinospora)

Nas folhas de antúrio aparecem manchas esbranquiçadas e amareladas, tão conhecidas pelos jardineiros. Esta doença freqüentemente afeta pepinos. No verso da folha, pode-se observar a formação de esporos cinzentos.

A fonte dessa doença comum é um fungo microscópico extremamente sensível à umidade do ar. A principal condição para se livrar deste fungo parasitário é a diminuição da umidade do ar em combinação com o uso de preparações fungicidas de ação de contato (Topaz, Acrobat).

A doença afeta as folhas do antúrio. Manchas clorosas de tonalidade enferrujada aparecem na superfície externa, a esporulação ativa ocorre na superfície inferior. Assim como no caso do míldio, o principal método de controle e prevenção da ferrugem é a manutenção da umidade ótima do ar. Para prevenção, você pode usar fungicidas biológicos, por exemplo, Albite, Alirin, Fitosporin.

A folha de antúrio, afetada pela ferrugem, deve ser tratada com um fungicida

Ferrugem tardia

Anthurium raramente é afetado por phytophtora, esta doença ainda sofre mais frequentemente de plantas açucaradas. Apesar disso, se você notar pequenas manchas de cor roxo-marrom nas folhas, você precisa tomar medidas urgentes. A fitofitose se desenvolve muito rapidamente e afeta o sistema radicular, condenando a planta a uma morte prematura.

A melhor opção para combater a doença é o uso de fungicidas sistêmicos. Entre eles estão Fitosporin-M, Fundazol, Alirin-B, Previkur. Neste caso, é necessário substituir o solo, enxaguar as raízes completamente debaixo de água, e aquecer o pote para tratamento térmico ou substituí-lo por um novo. As raízes também podem ser tratadas com uma solução fraca de permanganato de potássio.

Danos causados ​​por pragas

Caules suculentos e folhas de antúrio - alimento nutritivo para muitos insetos parasitas sugadores de suco. A planta pode ser afetada por pulgões, tripes, escudos, ácaros.

Jardim parasita "clássico" e plantas de interior. Folhas amareladas, murchas ou torcidas de antúrio são os principais sinais de afídeos.

Há uma enorme quantidade de produtos químicos para combater pulgões, eles podem ser comprados em qualquer loja especializada. Os mais famosos deles são Aktellik, Fitoverm, Akarin, Aktara. Você também pode usar um remédio tradicional - tratar as plantas com uma solução de água morna e sabão ou extrato de tabaco.

Os pulgões jovens se reproduzem muito rapidamente em folhas suculentas e caules de plantas de interior.

Ácaro aranha

Este artrópode microscópico não pode ser visto a olho nu. Seu tamanho é de apenas 0,5 a 1 mm. No entanto, essa migalha pode causar muitos problemas. Ácaro da aranha se alimenta de seiva de plantas hospedeiras. Quando infectado com uma praga, o antúrio deixa de se desenvolver normalmente, as folhas afetadas ficam amarelas, o que leva à morte da planta.

É fácil diagnosticar uma lesão de ácaros. Esses pequenos parasitas secretam um segredo na aparência que lembra uma teia. Com a aparência de ataque aracnídeo nas folhas, você precisa tomar medidas de controle com urgência. Primeiro de tudo, você precisa se livrar dos culpados da doença. Isso é melhor feito lavando a planta com água corrente. Então é necessário tratar as folhas com um dos inseticidas (Vertimek, Fitoverm, Akarin, Relâmpago). É melhor fazer isso cobrindo a planta com um saco de plástico, depois deixe-a sob abrigo por 2-3 horas.

Infelizmente, em 3-4 dias os jovens eclodem do solo, e o tratamento terá que ser repetido da mesma maneira. O antúrio precisará ser processado outras 2-3 vezes com um intervalo de uma semana.

Ácaro da aranha é claramente visível apenas sob um microscópio

Estes nocivos insetos sugadores de seiva são um verdadeiro desastre para plantas de casa. Shchitovki confiantemente protegeu da influência externa por uma "concha" especial, portanto não é fácil livrar-se deles. Shchitovka visível a olho nu. Causar manchas pretas nas folhas, murchando e subseqüente morte da planta.

Se você notar sinais de danos ao antúrio com um escudo, coloque a planta em "quarentena" para que não infecte sujeitos saudáveis.

Para se livrar dos escudos, eles são escovados à mão das folhas e caules com um pano macio. Depois disso, é necessário tratar a planta com produtos químicos especiais (Aktellik ou Fosbetsid), seguindo as instruções das instruções. Tenha cuidado - estas drogas são tóxicas! É melhor não executar o processamento interno.

O pedúnculo de antúrio afetado pelo escudo é limpo com um pano macio.

Pequeno, não mais que 1 mm de tamanho, parasitas sugadores de seiva. Os sinais de uma lesão de antúrio com tripes são, em muitos aspectos, semelhantes aos pulgões infectantes. Estas são folhas amareladas, além de amareladas, no lado inferior da folha você pode ver pequenos pontos pretos.

O principal método de lidar com tripes - tratamento de plantas com produtos químicos especializados. Antes de iniciar o procedimento, remova todas as partes parasitas da planta. Também é desejável se livrar da camada superior do solo, uma vez que pode conter ovos de tripes. O processamento deve ser realizado várias vezes: 3-4 tratamentos em 7-10 dias.

Para maior eficiência, recomenda-se pulverizar a planta em um saco plástico, você pode deixá-lo por 2-3 horas. Isso permitirá a maioria dos tripes de picles.

Ressuscitação antúrio

Mesmo que o antúrio tenha perdido toda a sua folhagem, isso não é motivo para se livrar dele.

Os rizomas vivos do antúrio ainda podem ser reanimados.

Primeiro de tudo, você deve descobrir o que causou tal estado deplorável - cuidados inadequados, doenças ou pragas. Em seguida, você precisa fazer o seguinte:

  • livrar-se da terra contaminada, pois ela provavelmente contém esporos de fungos parasitas ou ovos de insetos,
  • Aqueça a panela, deixe ferver por 5 minutos em água com gás.

Se você não fizer esses procedimentos preventivos, as folhas jovens crescidas de antúrio se tornarão um tratamento bem-vindo para os parasitas recém-nascidos.

Uma doença trazida com o solo pode destruir uma planta enfraquecida. Portanto, é muito importante conduzir a descontaminação do novo solo de qualquer maneira possível:

  1. Tratamento a vapor. O solo é espalhado em uma rede de malha fina sobre a água fervente por 30 a 40 minutos. Esta é uma maneira demorada, mas muito eficaz.
  2. Congelamento O solo é mantido a uma temperatura negativa durante uma semana, depois entrou num local quente para descongelar. Este é um processo longo e é mais fácil de realizar no inverno, quando uma varanda pode ser usada como freezer.
  3. Permanganato de potássio Este é um caminho para os preguiçosos. Tudo o que precisa ser feito é lançar o solo com uma solução de permanganato de potássio e esperar 30 a 40 minutos para que o solo seque.

As etapas principais de ressuscitação de antúrio

  1. O rizoma deixado sem folhas para a descontaminação deve ser mergulhado por 30 a 40 minutos em permanganato de potássio rosa claro e depois colocado por 3-4 horas em uma solução de Kornevin. A droga estimula o desenvolvimento das raízes, contém fito-hormônios que contribuem para o desenvolvimento acelerado do sistema radicular das plantas. Este procedimento permitirá que o antúrio enfrente o estresse do transplante e acumule força para o crescimento de novas folhas jovens.

A planta tratada por Kornevin (na foto à direita) forma muitas raízes novas.

Sphagnum, vermiculita e turfa, em quantidades iguais, formam a base da mistura do solo para o antúrio

Se o procedimento da ressuscitação de antúrio se executar corretamente, então daqui a pouco as folhas jovens aparecerão dos botões dormentes.

Vídeo: Regras de Transplante de Anthurium

O antúrio é ótimo nas condições de nossos apartamentos. Mas deve-se estar muito atento às suas necessidades e tomar medidas oportunas para prevenir possíveis doenças. Se você cuidar da planta corretamente, então o Anthurium irá deliciá-lo com as flores mais brilhantes das cores mais exóticas ao longo do ano.

Doenças infecciosas, o seu tratamento

Doenças do antúrio infecciosas em casa são bastante comuns. Isso é causado por muitos fatores, um dos quais é origem tropical da flor e suas preferências pelas condições de detenção.

O número de doenças infecciosas é grande, mas não se deve ter medo delas, já que quase todas são facilmente curáveis ​​em casa. O principal é diagnosticá-los a tempo e realizar os procedimentos necessários para o tratamento.

Antracnose e septoriose (foto)

Doenças fúngicas que aparecem como manchas marrons ou vermelhas. Também não são possíveis casos de escurecimento das pontas das folhas. Para o tratamento, é necessário remover as áreas infectadas o mais rápido possível, lavar bem a flor e tratar a planta com preparações químicas minerais. Se a planta não puder ser curada dentro de sete dias, então ela deve ser destruída, e o recipiente no qual ela cresceu deve ser calcinado e tratado com preparações químicas.

Podridão cinzenta

Afeta o tronco e os brotos, espalhando-se posteriormente para a cobertura foliar. Como as áreas afetadas morrem muito rapidamente, o tratamento deve ser realizado imediatamente. Os remédios populares, com este tipo de doença, não são muito eficazes, por isso devem ser imediatamente abandonados e recorrer ao tratamento com a ajuda de produtos químicos. Se após a manipulação, não houver resultado efetivo, a planta deve ser destruída.

Podridão radicular

Se as folhas de antúrio perdem a cor e desbotam, e aparece pus nas raízes, isso significa que a planta é afetada pela podridão radicular. Nos estágios iniciais da doença deve ser limitado a regar e elevar a temperatura na sala. Se a planta estiver seriamente danificada, remova as raízes podres e trate-as com fertilizantes, depois que a planta for transplantada para outro solo.

Fusarium

Uma infecção fúngica que, ao atingir uma flor, provoca uma queda rápida da folhagem. No momento, não há maneira eficaz de tratar esta doença, portanto a planta afetada deve ser imediatamente isolada de outras plantas de interior. É possível tratar a doença com a ajuda de fertilizantes com preparações multicomponentes, mas se não houver resultado, a planta é destruída e o vaso é cuidadosamente processado.

Ferrugem

Quando esta doença aparece na planta, é necessário remover as folhas de antúrio infectadas, e as restantes devem ser cuidadosamente tratadas com preparações químicas ou álcool. Tais ações devem ser realizadas a cada três dias durante quatorze dias.

Orvalho Mealy

Este tipo de doença geralmente afeta plantas de interior. A aparência da planta está se deteriorando e manchas aparecem nas folhas. Para evitar a ocorrência desta infecção, a flor deve criar um habitat confortável e fertilizar regularmente o solo.

Pragas de "felicidade masculina" e formas de combatê-las

Muitas vezes a causa da doença de antúrio é certos tipos de pragasque afetam as raízes, caule e folhas da flor.

  1. Afídio - parasita pequeno, mas muito poderoso, que pode causar sérios danos à planta. A praga é colocada na superfície interna da folha e alimentada por seu suco, causando a secagem da flor. Os pulgões se multiplicam muito rapidamente, então devem ser destruídos o mais rápido possível. Para fazer isso, você deve comprar um medicamento especial e processar a planta. Um dia depois, as folhas da planta devem ser lavadas em água corrente para evitar queimaduras químicas na flor.
  2. Shchitovka - este tipo de parasita também infecta o tronco e se alimenta da seiva da planta. Detectar uma praga é muito difícil, mas se for bem sucedida, tome medidas. A planta deve ser isolada de outras e enxaguada com água morna. Depois disso, a superfície da flor é tratada com compostos especiais. Este procedimento deve ser realizado duas vezes.
  3. Mealybug - na derrota por esta praga, o sarrafo branco aparece na superfície das folhas. Para curar a planta, basta tratar a flor com uma solução de sabão ou álcool e depois lavar a flor com água filtrada à temperatura ambiente.

Quais são as melhores condições para manter o antúrio em casa?

Antúrio em Crescimento - o processo é reverente e requer a implementação de certas regras e recomendações.

  1. Para esta planta desempenha um papel importante alta umidade na sala. É difícil fornecê-lo no apartamento, especialmente durante o período de aquecimento. É necessário borrifar a flor duas vezes por dia ou colocá-la em uma bandeja com argila úmida expandida. Também eficaz, mas caro, é colocar uma flor perto do umidificador.
  2. Antúrio precisa de uma temperatura não inferior a dezoito graus no verão e dezesseis - no inverno. Rascunhos que podem causar o apodrecimento das raízes devem ser evitados.
  3. Освещение должно быть ярким, но рассеянным, под прямыми солнечными лучами цветок рискует получить ожоги.
  4. Антуриум предпочитает расти в рыхлом влажном грунте. Полив должен быть умеренным мягкой отстоянной водой.

Se você violar as condições ótimas da flor, mais tarde poderá levar à derrota de suas doenças e pragas.

Doenças e seu tratamento

Considere as doenças mais populares do antúrio e como lidar com elas.

Septoria é uma infecção fúngica que se manifesta como manchas escuras nas folhas de uma planta. Normalmente, as bordas das manchas são amarelas ou marrons. A doença se espalha rapidamente para outras partes da planta por esporos do fungo.

Para combater septorizom precisa cortar e destruir todas as folhas e caules afetados.e depois tratar a planta com fungicidas sistêmicos: fitosporina ou alirina. Além disso, com uma forte propagação da doença utilizada mistura Bordeaux.

Com fusarium, há uma murcha maciça das folhas. Eles ficam amarelos e secos e depois caem. Uma flor rosa-esbranquiçada no pescoço da raiz de uma planta indica infecção por esta infecção fúngica.

A infecção é espalhada junto com a água para regar as plantas. A doença se manifesta e progride apenas no calor com alta umidade.

Não há tratamento efetivo para o fusarium. Plantas doentes destroem. Na fase inicial da infecção, você pode aplicar vários fungicidas de pulverização com um intervalo de 7 dias. Ao mesmo tempo, um pesticida do solo é introduzido no solo.

Tratamento de doenças fungosas

Para o tratamento de doenças causadas por fungos, é necessário usar apenas preparações fungicidas. Com a ajuda deles, você pode destruir a infecção fúngica.

Nenhum remédio popular dará o resultado desejado, mas apenas levará ao desenvolvimento da doença e à morte da planta.

Para o tratamento bem sucedido de doenças fúngicas, você precisa remover e destruir todas as partes afetadas da planta.. Em seguida, a flor é pulverizada com fungicidas.

As drogas mais eficazes são consideradas "Fitosporin", "Alirin", "Fundazol". O procedimento é realizado ao ar livre. Uma panela com uma planta colocada em um saco plástico, execute o processamento e amarre a bolsa por 10-15 minutos. Em seguida, a planta é removida e seca.

O tratamento geralmente não se limita a um único tratamento da planta. Após 7-10 dias, a pulverização deve ser repetida. E às vezes um terceiro tratamento é necessário após outras 2 semanas.

Folhas de bronze Viral

Tratamento de folhas virais de bronze não desenvolvidas. Recomenda-se destruir a planta doente para que ela não se torne uma fonte de infecção para outras flores.

Esta é uma doença não transmissível. Às vezes aparecem manchas amarelas sob a luz forte das folhas da planta, mas as veias permanecem verdes. Isto é devido a uma falta de ferro e magnésio.

Geralmente, a clorose torna-se perceptível com alimentação irregular ou falta dela e apenas em luz brilhante..

Para combater a doença requer adubos fertilizantes plantas regulares que contêm magnésio e ferro.

Varicela

Se protuberâncias amarelo-esverdeadas e pontos redondos começaram a se formar nas folhas de antúrio, a planta adoeceu com varíola.

Esta é uma doença não parasitária que ocorre devido ao cuidado inadequado da planta. Ele se manifesta em alta umidade e baixa temperatura.

Além disso, a causa da varíola pode ser a falta de alimentação.

Outra doença não infecciosa do antúrio é a enácia. Na derrota de uma fábrica as suas folhas dobram-se, ficam feias, os crescimentos surgem.

A causa da doença não é bem compreendida.. Às vezes começa após mudanças bruscas de temperatura e aumento da umidade. Com o restabelecimento das condições normais de vida vegetal, as manifestações da doença desaparecem.

Prevenção de doenças comuns

Com a observância de medidas preventivas, todas as doenças do antúrio podem ser evitadas. Para evitar que a planta infecte infecções fúngicas, basta observar o regime de irrigação, para manter a umidade necessária. Não inunde a planta. A sala em que o antúrio está localizado deve ser arejada regularmente, e a planta não deve estar em um calado.

É necessário destruir tripes carregando bronze de folha. Quando as pragas são encontradas na flor, a planta deve ser tratada com inseticidas.

Doenças de plantas não infecciosas são fáceis de combater.. É necessário observar o regime de temperatura, para evitar quedas repentinas de temperatura, aumento da umidade. Flor deve ser regularmente alimentada com fertilizante.